Arquivo | Clarisonic RSS feed for this section

O TAL DO CLARISONIC

15 fev

Há alguns meses já vinha ouvindo falar do Clarisonic, mas sempre me convencia de que “não preciso dessas coisas, minha pele é boa, USD 149 é uma bica” e toda a série de desculpas que impede as pessoas normais de torrar tantos dólares em um aparelho que você nem sabe se vai funcionar tão bem, mas que te desperta uma cobiça absurda…

Daí que, no Black Friday, recebi uma newsletter e quando cliquei, era da Clarisonic (óbvio que só depois vi que não se tratava do site oficial da marca), que oferecia o Clarisonic Mia 2 por USD 122 já com o frete para o Brasil incluso. Pensei pouco – oferta do Black Friday expira e esgota rápido, né? – e acabei me jogando.

Quando recebi o e-mail de confirmação, me caguei toda: o site era totalmente bem feito e eu não tinha me ligado que não era o site oficial da Clarisonic, mas de um revendedor chinês. Na hora pensei: “perdi”, “vai vir uma falsificação barata da escova vagabunda da Sygma” e todos os medos possíveis. Teve uma hora que achei que não ia chegar. Mas enfim, chegou. COM A TAXAÇÃO, claro, comprado na China e mais de USD 100, só podia dar nisso. Deixei sofridos R$ 120 no Correio e trouxe o tal para o escritório.

clarisonic

Pelo menos a primeira surpresa foi boa, a caixa parecia original e veio tudo certinho. Se fosse falsificado, seria um falsificado bem feito, então estava bem feliz. Daí, chegando em casa, louca pra usar o brinquedinho, vi nas instruções que o aparelho precisava ficar carregando por 24 horas. Ok, ok, ficaria para o dia seguinte.

Li o manual de instruções (sempre leio) e já estava pronta para usar no dia seguinte. Cheguei em casa toda animada, passei o sabonetezinho que veio no kit e passei a escovinha no rosto, conforme instruções (20 segundos na testa, 20 no queixo e 10 em cada bochecha).

OH YEAH
Só de enxaguar o barato é mágico.
Primeiro porque a escovinha ficou meio encardidinha – e eu tinha passado o demaquilante no rosto direitinho, como todos os dias. Diz a lenda a bula do produto que ele remove seis vezes melhor a make do que um demaquilante comum.
Depois, a textura da pele que ficou outra, bem mais macia, mais lisinha.
Daí quando olhei no espelho, achei que o rosto realmente ficou mais luminoso.
Estou usando o bichinho há três semanas e vejo um resultado bem aceitável.
Sim, os cremes para o rosto são absorvidos com mais facilidade.
Passo um creminho para duas manchas que eu tenho no rosto e sinto que houve melhora clara desde o início da utilização do Clarisonic.
Tanto com o sabonete que veio com o aparelho como com o demaquilante Rinse Off Foaming Cleanser da Clinique e com o Liquid Facial Soap, também da Clinique (o 1 do sistema dos 3 passos), o resultado é bom. E finalmente com o Clarisonic, achei uma forma mais interessante de utilizar o demaquilante em espuma.

OH NO
Tenho uns poucos cravos no nariz e neles, não vi melhora. Dos 20 segundos no queixo, uso metade do tempo no nariz e em suas laterais. Tenho outros pequenos cravos na curvinha do lábio e lá também não vi muita diferença.|
Tampouco vi diferença em relação a rugas e linhas de expressão, talvez por fazer pouco tempo, talvez por eu não ter nada tão gritante nesses termos para fazer diferenças tão drástica em tão pouco tempo.

VI VANTAGEM?
Sim, a pele mais macia e luminosa TEM de significar alguma coisa. 😉