Arquivo | Recado do Coração RSS feed for this section

THIS IS NOT A HATE BLOG – PARTE 3

11 nov

Seguindo com a série “MELISSA QUE UM DIA AMAMOS MUITO”, essa foi um caso de amor até há muito pouco tempo…

MARY JANE + VIVIENNE WESTWOOD

MJ

Por que o amor?
1) Ela veio em muitas cores incríveis!

MJ2

2) Ela é um salto alto confortável.

MJ3

3) O shape abotinado dá segurança no caminhar. Se for para a amiga torcer o tornozelo com uma Melissa de salto, não será com essa.

mj4

4) Quem não curte um perfume retrô? Há, descrição vibe site da Melissa.

mj5

5) Ela é linda, gente!

MJ6

Foi uma Melissa que, se não apareceu em muitas coleções, a Melissa investiu e fez uma cartela de cores enorme, imensa, deliciosa, com gostinho de quero mais, bota o dedinho na boca e vai descendo até o chão. Sério, acho que só a Ultragirl e a Aranha apareceram com mais cores que ela!

Esta já é uma Melissa sólida, muito estável e com o salto bem confortável. Meu pé é largo e nunca senti nenhum tipo de desconforto com esse modelo. Gostava dela com jeans, mas acho que orna demais quando aparece, em especial num combo meia escura-Melissa chamativa.

Minhas duas campeãs de uso foram a bege e a preta, e se na época tivesse Mary Jane branca, eu não teria casado de Rock Princess… Olha a cara de sapato de noiva rica essa MJ branca… 🙂

Certamente, este seria um modelo que, se encontrasse um similar em couro que não custasse todo o dinheiro do supermercado do mês, com certeza arremataria. Gosto de verdade!

THIS IS NOT A HATE BLOG – PARTE 2

28 out

Mais uma Melissa que me encantou durante muito tempo…

SL1Sweet Lips + Isabela Capeto

Ela veio em duas ou três coleções, e tive praticamente de todas as cores (menos as versões pastel da verde e da amarela, acho).
É uma Melissa fofa, delicada, como a palmilha não é muito estreita, favorece até pés largos (tipo o meu), versátil e fácil de usar, combina com tudo, com saia, calça, meia calça, calor, frio, não era o modelo mais caro da coleção…

SL6

Durante algum tempo, a Sweet Lips amarela foi a superstar da minha vida. Apesar de não ser grande fã de amarelo, sempre achei que ela fosse meu sapato de dias felizes. 🙂 A bordô também foi muito bem aproveitada, e a branca foi um amor que usei até acabar.

SL5

Os furinhos não servem para nada, mas deixam a melissa bem mais bonitinha do que se fosse lisa.
SL2

Para caminhar, ela era muito confortável, meu pé tem uma curvatura bizarra que não posso usar sapatos totalmente flat (como as Campanas), e essa tem um microsaltinho que ajudava bastante a não sentir dor em caminhadas. 🙂

SL4

Vi que em 2012 teve um “relançamento” desse modelo na Melissa Memories (ou coisa que o valha), deu até vontadinha de ter mais uma (ficou só uma comigo, não sei se é a roxa ou a preta). ❤

SL7

 

Update: andei meio sumida por conta de uma sinusite maldita que quase me fez perder a vontade de viver me deixou um pouco debilitada, mas já estou melhor, parei de tomar antibiótico e a disposição deu um up bem bom esse fim de semana… 🙂

THIS IS NOT A HATE BLOG – PARTE 1

11 out

Para provar que este não é um blog de ódio ás Melissas, vou selecionar alguns modelos pelos quais fui apaixonada tanto na época do lançamento como até hoje.
Pois é, por incrível que pareça ainda tem Melissa na minha sapateira, e acho que sempre vai ter porque tenho coração algumas Melissas realmente são bonitas, diferentes e gostosas OH WAIT.
Bom, uma das que mais gostei foi essa, que veio na coleção VIAGENS DE MELISSA (e acho que só nela):

positivePositive (com tornozeleira!)

Quando ela saiu, fiquei louca!
Amei de paixão, do tipo comprei 2 cores pelo site e 2 na Galeria Melissa.
Só não tive a preta/azul, porque, né, desnecessário. Mas as outras cores eu tinha, e todas com tornozeleira.
Lembro que esse modelo sem a tornozeleira também foi lançada em uma parceria com o Lorenzo Merlino, mas não lembro se foi nessa coleção.
O que eu gostava nela: Geeez, tanta coisa!
Primeiro, porque foi uma das primeiras Melissas com o plástico mais molinho que tive.
Segundo, porque a forma e o formato dela são muito confortáveis.
Terceiro, adoro sandália cuja tira prende no tornozelo.
Quarto, porque é linda, né? E diferente dos outros modelos de Melissa de até então.
E me arrisco a dizer que depois também não teve muita Melissa parecida com ela… 🙂

positive 2

Mas sempre tem um MAS.
Tá certo, frequentemente me pego falando de cartelas de cores insuficientes e inadequadas, e essa é uma: por que não inverter a preto com azul marinho e ter uma cor a mais à disposição?
E nem era essa minha principal objeção, mas sim quanto a essa bolinha de metal.
Sim, achava que tinha a ver com o modelo, mas começou a me machucar!
Explico: ela é chumbada por dentro e esse “chumbado” não tem proteção.
Como na época meu dedão era mais alto (minha unha tinha curvatura muito acentuada, depois fiz tratamento com órtese e melhorou), no começo só descascava o esmalte, mas com o tempo começou a machucar.
Quando um belo dia vi a unha com um pequeno abaulamento, achei melhor parar de graça e parar de usar as Positive.
Tiro e queda, era a Melissa machucando a unha, 😦
Fim de caso.

PS.:
Não sei se vocês me lêem há muito ou há pouco tempo, ou se me lêem esporadicamente ou de vez em nunca, ou se fizeram uma busca e caíram aqui, mas a verdade é que de tempos em tempos recebo comentários do tipo “se odeia tanto a marca, por que mantém esse blog, vai se ocupar com algo que você goste” ou “se não tem o que acrescentar, não fala da marca”.
Sempre penso muitas vezes se respondo ou se deixo barato.
Dessa vez vai ficar barato, afinal “This is not a hate blog“. 🙂

PEQUENAS GENTILEZAS… :-)

19 abr

Uma das coisas mais prazerosas que existe em escrever em um blog é o contato com quem se interesse pelas tranqueiras que a gente escreve.

Como o blog não é tão lido, acontece que sempre dá tempo de responder os e-mails que chegam (não são muitos, mas são tão oiiiinnnnnn). E várias vezes me deparo com um “OBRIGADA POR RESPONDER MEU E-MAIL”.
Como assim, gente?
Se não tenho o dever de responder o e-mail, tenho de fazê-lo pelo menos pela educação que a minha mãe me deu, sem contar que escrever – pelo menos para mim, seja para elogiar, criticar, perguntar ou responder algo – me mostra uma consideração, um carinho que, meu Deus, as pessoas têm para comigo por algum motivo e que merece todo o meu respeito.
Quem tem que agradecer aqui, sou eu.
E não é em nome de patrocinador, de parceiro, de pageviews ou unique visitors, não. É em meu nome, que escrevo por prazer e que como um plus, tenho esse retorno lindo de vocês. É um blog pobrinho, mas espero que continue sendo aberto sempre. 🙂

SUPERPROFÍCUA

26 mar

Vocês tão me vendo?
23 posts em fevereiro.
14 em março.

Não sou linda?

DILEMA DE UMA PESSOA SEM PROBLEMAS

21 mar

Pois é.
Abro a sapateira e fico em dúvidas por causa dessa belezura.
Sim, ela é linda. Mas faz mais de um ano que eu não uso.
E aí, vender e fazer alguém feliz ou manter a gracinha no armário só pra olhar para ela de vez em quando e lembrar que faz mais de um ano que não usa?

O que vocês fariam?

SÓ PRA CONSTAR

17 dez




Melissa Sin Especial Ano Novo, por Melissa.
Melissa lança uma edição especialmente para o final de ano! A Melissa Sin Make a Wish, vem para realizar os desejos de toda mulher: uma delicada rasteirinha, com aplique de tachas cromadas no cabedal, que tem tudo para virar peça-chave nas produções de verão. Versátil, o modelo cai bem nas produções mais despojadas até looks mais clássicos.
Melissa Sin Make a Wish aparece em três cores diferentes: branca e prata – ambas com aplique central em prateado – e dourada, com aplique cromado na mesma cor. A embalagem exclusiva torna o acessório uma boa dica de presente para as festas de fim de ano.
Preço: R$ 84,90

Melissa Sin Especial Ano Novo, por Melissando.
A Melissa mostra mais uma vez que é fanfarrona e oportunista está antenada com os mais profundos desejos de suas consumidoras. Aham, mais uma Melissa encalhada disfarçada de novidade que precisa vender para ter valido a pena desenvolver o molde para a máquina injetora sem graça com enfeitinhos tachas é meio last season para ser chamada de realização de desejos?
Eu quero fazer um desejo, pode? Voltem com as Ultra de Natal, por favor. Por que no mundo que eu vivo, SIN e desejo de Boas Festas na mesma frase, comofas~?

Me espanto. Entrei na Loja Melissa para ver o link da Sin Make a Wish e agora só tem 36 e 39/40. Parabéns, Melissa, pela admirável arte de fazer cacarecos e bugigangas virarem um must have.

PELO MENOS essa Melissa está à venda na Loja Melissa para as corajosas de todo o Brasil, não as que podem ir com facilidade à Galeria. Melissa, aproveita e manda para mim uma de cada cor para eu deixar meu verão mais gramúr… #ironiafina
Preço: R$ 84,90, que eu nunca pagaria visto o preço que está a carne no mercado, vocês viram?
(desculpa a mudança repentina de assunto, mas essa Melissa me deu tanto sono *bocejo*)

HOJE TEM PALHAÇADA?

12 nov

Com palhaçadas desse naipe a Melissa justifica o porquê de perder cada vez mais e mais adeptas fiéis.
Se eu fosse do MKT da Melissa estaria amargamente arrependida por não ter cedido, na época do SPFW, dois ou três pares da nova coleção para aplacar os ânimos de algumas blogueiras. Teria sido uma saída rápida e eficiente: retratação, sorry, amamos vocês, que são tão importantes como a Julia Petit e que divulgam nossos sapatinhos de plástico caros e assassinos de graça. Também teria feito com que algumas não tivessem se voltado contra a marca. Agora, até quem só falava bem anda se revoltando. E é uma grande falha do MKT: para a marca custa MUITO pouco e pode reverter de uma forma muito positiva. Cadê a visão, o tiquinho de lucidez nessas horas?
A mesma visão que faltou para o cidadão sem luz que se dá ao trabalho de conseguir o telefone de uma menina que, além de tudo, escreve sobre Melissa, divulga Melissa, vende Melissa e ainda se propõe a moderar a comunidade mais power de Melissa no Orkut. A Melissa tem mais é que agradecer meninas como ela. Mas não, ao invés disso dá mais uma bola fora com um terrorismozinho de quinta.
Eu acabo sempre não resistindo porque no final, temos uma relação profunda de amor e ódio e as liquidações servem para revoltadinhas como eu abastecerem a sapateira ao final da coleção quando meu número e as cores do alto da wishlist acabaram, droga suprema, tenho duas Melissas da Circensis no armário, ainda sem usar, maldito seja meu consumismo, mas esse descaso, essa falta de boa vontade, esse desinteresse nas consumidoras e esses sapatos que machucam os pés das pobres pedestres, ai como dá vontade de desistir de vez da Melissa…

PS: Imaginem a Melissa conseguindo meu telefone e pedindo para um aspone de merda me ligar para me repreender, q eu conspiro contra a marca? Queria tanto que isso acontecesse…

1 MÊS DEPOIS…

11 nov

É um absurdo pensar que uma pessoa que se propõe a ter um blog venha fazer atualizações de mês em mês. Mas tem explicação (sempre tem): no trabalho uma correria (o ano fiscal terminou em setembro e, por consequência, outubro e novembro são speed gonzalez total), novos projetos, novas parcerias sendo prospectadas e eu feliz e cansada como nunca. Além disso, o meu lentium aqui do trabalho não colabora e lá em casa, meu computador titular ainda não voltou para casa e as Melissas não têm mais me empolgado tanto assim.

Mas como eu sou estranha, tenho meus surtos e hoje consegui publicar todos os anúncios pendentes do Bazar Melissando. Sério, 77 anúncios e um post explicativo só hoje!! *eu sou foda mesmo
Agora não tem mais nenhuma Melissa à venda sobrando no meu e-mail!
Eu sei que logo logo vai ter, mas por hoje minha caixa de entrada vai ficar peladjeeeenha! *ui

Quero falar de outros assuntos, mas vou mudar de post.
Esse só serve para dizer que eu tô viva, estou em um momento “quero falar de Melissa” e estou com saudadinha de mexer no Polyvore (apesar de que meus looks são as coisas mais comuns e convencionais que eu conheço nesse cyberespaço).

E vamo que vamo!

ADIVINHEM…

30 set

… Quem atualizou todos os posts do Bazar do Melissando?
Sério, superesvaziei a caixa de entrada!
Até a Loop que entrou hoje no meu e-mail já tá lá, postada.
Estou até orgulhosa de mim!

Ah, hoje estou de Severine de botão branca.
E sou brega, adoro usar essa Seve branca com meia calça opaca preta!
Fazia tempo que eu não usava Melissa, pra falar a verdade.
Andei numa fase All Star, saindo todos os dias de tênis e amando!
E confesso: essas Melissas com saltinhos mini-quase-nada (Ultragirl) e/ou discretos (tipo os 2 cm da Seve) são tão boas para andar! Já as totalmente flat (como a Corallo e a Marine) me incomodam um pouco…

Isso é só comigo (oi, Adri, vc é louca, PT Saudações) ou vcs tbs sentem essa diferença?