Arquivo | Plastic Dreams RSS feed for this section

PLASTIC DREAMS

5 out


Dica esperta da Milena:

Quer garantir sua revista todo mês?
Faz (ou atualiza) o cadastro no site da Melissa!

http://www.melissa.com.br/cadastrorevista/

Anúncios

REVISTA PLASTIC DREAMS NO EGO!

24 set

A Kate Moss para a Plastic Dreams também tá no Ego!
Mas a chamada “exibe as pernas em capa de revista” é beeem fuleirinha, não?
Pra quem andou se atracando com colunas em festas, mostrar as pernas é papa…

MAIS MELISSA NA IMPRENSA!

10 set

Melissa em página dupla no Zero Hora!
A querida FernandaV. viu uma matéria sobre Melissa no Caderno Donna, do jornal gaúcho Zero Hora, nesse link (lá, é só clicar em Edições Anteriores e selecionar a do dia 06/09/2009).
Abaixo, o print da matéria!

As fotos do artigo são as mesmas que estão nesse post!
Eu tinha lido que seriam 4 editoriais de moda e as fotos são de três…
Ainnnn, eu quero muito, preciso demais, pra ontem, ver o ensaio da Kate Moss (aquele em que ela é carregada feito um saco de batata)!
Apesar de achar q ela não corresponde ao “público-alvo de 15 a 25 anos” (hahahaha, sim eu fiquei injuriada com a tal coordenadora de márquetxin da Melissa”), ela é a fuckin’ worst bad girl ever Kate Moss, néam?


Kate Moss dá um novo significado para a expressão “entortando os zóinho”

Kate: Oiiiiiiiin, gatxo, vozê vem zembre aguiiiiiiiiiiii?
Coluna: ….
Eu ia fazer um diálogo imaginário para explicar esse atracamento entre Kate Moss e a coluna do local desse evento (entrega do prêmio Homem do Ano da revista GQ), mas deixa pra lá…

NA NOVA EDIÇÃO DA PLASTIC DREAMS…

8 set

Eu vou ser muito sincera.
Eu não curti a primeira edição da Plastic Dreams…
Mas não é que a atual, que chega à loja/representantes essa semana, tá me chamando a atenção pela ousadia?
Me desculpem as leitoras menores de idade, mas público-alvo 15 anos o cacete!


Capa-chique!


Styling do ensaio é do Judy Blame!


Roupas usáveis: gostei!


Que linda a produção dessa foto!!!

Quero muuuito ver essa revista de perto!

E vocês, o que acharam?

CARA DE PAU?

17 jun

Dando uma olhada no ML, sempre encontro coisas interessantes.
Mas algumas me assustam…

Tipo essa pessoa vendendo a revista Plastic

É sério que essa senhorita ganha a revista de graça e vende por R$ 5,00?
Será q tem alguém que compra?
Já teve uma vendida… *suspiro*

MELISSA PLASTIC DREAMS MAGAZINE

17 abr


Edição nº 1 da revista da Melissa

Tantas meninas sem receber uma mísera e na falta de uma, recebi duas.
Acho que juntaram os cadastros na Loja Melissa e na Galeria Melissa e tcharam – duas em casa.
Só que uma delas chegou naquela semana em que São Paulo quase virou Atlântida e a revista ficou inutilizada.

A outra eu dei uma folheada.
Gostei?
Olha, eu achei a iniciativa muito boa, mas a Grendene errou a mão no conceito da revista ao não levar em conta o perfil do público alvo do produto Melissa. Nâo vejo a consumidora Melissa como uma menina essencialmente fashionista. Algumas podem até ser, mas a maioria? A maioria acha as Melissas fofas, algumas colecionam, a maioria usa para compôr um look bacana para ir trabalhar e estudar, buscam inspiração de estilo nas novelas, nas lojas de departamento, nas celebridades das revistas nacionais e não no ensaio da Vogue França ou na Semana de Moda de Londres.

De onde, aliás, trouxeram a covergirl Agyness Deyn. Mas qual a identificação que a consumidora Melissa tem com a Aginess Deyn?
Duvido que a consumidora Melissa tenha acompanhado a semana de Moda de Londres para saber quem é a Aginess Deyn, mas ela assiste novela, vê TV, lê a Contigo e a Caras no salão ou na sala de espera do dentista! As meninas ficam de olho na Grande Família para ver qual Melissa a Bebel está usando. Elas adoravam ver como a Rakelli usava as Melissas dela!

De boa, alguém vai usar o look album para fazer uma montação para sair por aí? Ou pelo menos conseguiu tirar alguma idéia bacana para combinar alguma roupa com Melissa? Aquele editorial vai fazer parte da vida de alguém? Da minha, com certeza. não vai.
Acho revista deve ter sido criada tendo em mente a consumidora Melissa.
Ao meu ver, isso não foi nem um pouco observado.
Quiseram criar um hype que não funciona nesse tipo de relação de consumo.

Tá boiando no assunto?
Clica aqui para ler onlie ou aqui para baixar a revista.